Blog

Testes psicológicos: para que servem?

Saiba como eles funcionam e para que eles são utilizados.

Os testes psicológicos são utilizados por psicólogos e profissionais da área da saúde mental em diversos contextos: orientação profissional e educacional; avaliação de condições clínicas de um paciente; recrutamento para empresas; pesquisas científicas; características comportamentais para traçar personalidades.

Com eles é possível avaliar as características psicológicas e emocionais de um indivíduo, auxiliando assim no processo de tratamentos, em recrutamento para empresas e a entender como é traçada a personalidade daquela pessoa.

Para que servem os testes psicológicos?

Esses testes visam entender como determinada pessoa se comporta diante das diferentes situações que lhes são impostas. Cada teste tem uma função específica e vai de acordo com o contexto que é aplicado.

É muito importante compreender o perfil desse indivíduo, para que a partir disso, seja possível encaixá-lo em um âmbito em que ele se adeque melhor e que combine com suas necessidades psicológicas.

Vamos entender melhor a função de cada teste?

Avaliação clínica: usados frequentemente para auxiliar no entendimento e avaliação de quadros de pacientes com transtornos mentais, como depressão, ansiedade, transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) , transtorno bipolar, estresse, entre outros.

Orientação vocacional: testes de orientação vocacional auxiliam os indivíduos a identificar carreiras que se alinhem com seus interesses, valores e habilidades.

Pesquisa científica: são amplamente usados em pesquisas científicas, geralmente feitas com diversos grupos que estão sendo analisados, para medir variáveis psicológicas, investigar fenômenos comportamentais e validar teorias.

Avaliação de personalidade: esse tipo de teste é usado para avaliar traços de personalidade, preferências e características individuais.

Seleção e recrutamento: muito utilizado no meio corporativo e em processos de recrutamento. Com ele é possível analisar os comportamentos e a personalidade do indivíduo, sendo capaz de identificar se o candidato está apto à determinada vaga e se está alinhado com a cultura organizacional da empresa.

Avaliação de habilidades e aptidões: são usados para medir as habilidades de uma pessoa em áreas específicas, como habilidades cognitivas, habilidades verbais ou habilidades matemáticas. Isso é comum em contextos educacionais e de seleção profissional.

Avaliação de desempenho: em contextos organizacionais, esse teste psicológico pode ser usado para avaliar o desempenho dos funcionários, identificar áreas de desenvolvimento e ajudar na tomada de decisões relacionadas à promoção e treinamento.

Tomada de decisão legal: em alguns casos, testes psicológicos são usados em processos judiciais para avaliar a competência mental de um indivíduo, testemunhar em casos de guarda de crianças ou determinar a responsabilidade criminal.

Aconselhamento e Terapia: podem ser usados ​​como uma ferramenta adicional durante sessões de aconselhamento e terapia para ajudar o terapeuta a entender melhor os problemas do paciente e desenvolver estratégias de tratamento eficazes.

É importante ressaltar que os testes psicológicos devem ser administrados e interpretados por profissionais da área da saúde mental, devidamente treinados. Caso haja a interpretação incorreta dos resultados, o mesmo pode levar a conclusões errôneas.

Além disso, a privacidade e a ética devem ser consideradas ao usar esses testes, uma vez que eles podem conter informações sensíveis sobre os indivíduos avaliados.

Benefícios dos testes psicológicos

Já entendemos qual a função dos testes mais usados atualmente pela medicina psicológica, e então você se pergunta?

Quais benefícios esses testes trazem para a vida da pessoa?

Como já citamos mais acima no texto, cada teste tem a sua função. Os de avaliação clínica irão ajudar o profissional e o paciente a entender melhor como lidar com um transtorno diagnosticado e qual é o melhor tratamento a ser feito, devolvendo a esse paciente uma melhor qualidade de vida.

As avaliações vocacionais e de habilidades e aptidões podem se complementar. Já que o vocacional auxilia na descoberta da sua vocação, ajudando a identificar suas habilidades e quais carreiras deseja seguir e o teste avaliação de habilidade te ajuda a identificar de maneira mais minuciosa suas aptidões para áreas mais específicas.

Com os testes de recrutamento e de avaliação de desempenho a seleção de novos colaboradores é realizada de uma maneira mais assertiva e a empresa também consegue identificar com mais agilidade se determinado colaborador é apto para uma possível promoção ou remanejamento dentro da empresa.

Por meio das pesquisas científicas é possível assimilar melhor os tipos de comportamentos existentes na sociedade, auxiliando os profissionais da saúde na descoberta e compreensão dos transtornos psicológicos.

Os testes de tomada de decisão legal beneficiam diversos casos jurídicos, ajudando os profissionais daquela área a compreender a mente e personalidade do réu ou de testemunhas, a fim de determinar com mais segurança o destino de quem está sendo julgado.

As avaliações de personalidade e o aconselhamento e terapia ajudam a descobrir de fato qual é a personalidade daquela pessoa e suas preferências, com esse primeiro passo já concluído, o terapeuta entende melhor como lidar com o paciente e seus problemas emocionais.  

De forma geral, qualquer e todo teste psicológico irá te ajudar a se redescobrir como aluno, como profissional e como ser humano. É só o primeiro passo para você entender como funciona o mundo e o mais importante, como funciona a sua mente e os seus comportamentos.

Os testes desempenham um papel importante no fornecimento de informações complementares em uma análise mais abrangente de um indivíduo. No entanto, é fundamental entender que eles são apenas ferramentas adicionais no tratamento, não devem ser interpretados “ao pé da letra”, quando falamos de problemas emocionais e psicológicos existem diversos outros aspectos que precisam ser analisados em conjunto.

Na verdade, os testes podem servir como um ponto de partida para aumentar a compreensão de si mesmo. Se você não está se sentindo bem, eles podem ajudar a iniciar uma jornada em direção ao autoconhecimento, incentivando a reflexão sobre práticas de autocuidado em sua vida diária, mudanças de hábitos e até mesmo a busca por um profissional qualificado para orientá-lo nesse processo.

Conheça o teste DASS-21

Sabemos que os transtornos psicológicos que mais atingem o ser humano nos dias de hoje são: depressão, estresse e ansiedade. Por isso eu trouxe um teste que irá te ajudar a medir a intensidade dos seus comportamentos e sensações.

O questionário DASS-21 (Depression, Anxiety and Stress Scale) foi criado pelo PhD Peter Lovibond, na University of New South Wales (UNSW), na Austrália. Possui a capacidade de mensurar, simultaneamente, os níveis de estresse, depressão e ansiedade.

O pesquisador Lovibond conduziu uma análise detalhada das características psicométricas do DASS-21 em relação às Escalas de Beck para medir ansiedade e depressão. Os resultados obtidos nessa análise, tanto na fase exploratória quanto na confirmatória, foram bastante satisfatórios. Isso sugere que as respostas fornecidas no questionário são indicativos precisos dos níveis de depressão, ansiedade e estresse.

Lembre-se que o teste não deve ser utilizado sozinho para avaliar seus níveis de ansiedade e depressão, para um diagnóstico preciso, procure um profissional da área da saúde mental. Clique aqui para realizar o teste!

Você achou interessante essa experiência? Em nosso blog você também encontra outros tipos de testes psicológicos, relacionados a outros transtornos. Faça você mesmo ou indique a um amigo!

Posso te auxiliar no diagnóstico correto

E então, realizou alguns testes psicológicos e acredita que algum transtorno mental faça parte da sua vida, ou então que precisa de uma orientação mais aprofundada em relação a algum contexto? Venha fazer uma avaliação comigo!

Iremos conversar e entender qual realmente é a sua necessidade e se você deve seguir um tratamento ou não.

Além disso, a terapia irá te ajudar a se compreender melhor, a lidar com as situações, seja no âmbito acadêmico, profissional ou familiar, de uma forma mais clara e consciente.

No consultório também podemos realizar a Orientação Vocacional, por meio dela sua mente se abre para um mundo de possibilidades em relação a qual carreira profissional seguir. Aqui usamos ferramentas específicas que irão lhe auxiliar na realização de uma escolha assertiva.

Marque sua primeira sessão de terapia! Nossas consultas são agendadas e podem ser feitas de forma online ou presencial. Entre em contato pelo número: (27) 99978-0990 ou pelo WhatsApp.

Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Utilize os espaços dos comentários para enviá-la e me siga no Instagram, lá também tratamos de assuntos psicológicos de forma bem didática e criativa.

E se você acha que esse conteúdo pode ajudar outras pessoas, compartilhe nas suas redes sociais ou grupos de WhatsApp! 😉

Cuide bem de você! =)

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais notícias

Como lidar com a frustração? 1

Como lidar com a frustração?

Experimentar frustrações faz parte da vida, mas você sabe lidar com elas?

Como saber se estou tendo uma Crise Existencial? 2

Como saber se estou tendo uma Crise Existencial?

Você se sente perdido, paralisado e que nada mais tem sentido? Isso pode ser um sinal da crise existencial.

Como parar o ato de procrastinar? 3

Como parar o ato de procrastinar?

Não é uma tarefa fácil abandonar o ciclo vicioso, mas com estratégias inteligentes é possível

Nomofobia: o medo excessivo de ficar sem celular 4

Nomofobia: o medo excessivo de ficar sem celular

A dependência no uso do excessivo celular pode desencadear diversos transtornos psicológicos

Perfeccionismo: entenda como tentar ser perfeito o tempo todo afeta sua mente 5

Perfeccionismo: entenda como tentar ser perfeito o tempo todo afeta sua mente

Este traço de personalidade pode ter um lado bom e um lado ruim, de qual você está?

Como lidar com a ansiedade no trabalho 6

Como lidar com a ansiedade no trabalho

Crises de ansiedade no trabalho prejudicam sua vida e carreira profissional, entenda como lidar com essa problemática

Você sofre com o Complexo de Inferioridade? 7

Você sofre com o Complexo de Inferioridade?

Aprenda a enxergar seus pontos negativos, reconhecer suas qualidades e aptidões

7 dicas práticas para controlar o estresse do dia a dia? 8

7 dicas práticas para controlar o estresse do dia a dia?

Aprenda como lidar com o estresse diário de maneira prática e inteligente

Agendar atendimento
1
Precisa de ajuda?
Olá, tudo bem? 👋

Às vezes precisamos de ajuda com alguns dos nossos problemas! Eu posso te ajudar!