Blog

O que faz um psicólogo e como ele pode me ajudar?

Psicólogo é só para quem está com problemas psicológicos? Psicólogo receita remédio? Acabe com os mitos, entenda melhor o trabalho do psicologo e veja como a psicologia pode ajudar sua vida.

Quando você acha que ganhou alguns quilos e deseja perdê-los ou só quer se alimentar melhor, você procura um nutricionista, certo? E quando você quer começar uma atividade física, provavelmente contrata um personal trainer, ou começa a frequentar academia, fazer artes marciais, natação… Alguma atividade que tem o acompanhamento de um especialista da área.

O psicólogo é o profissional que, através do estudo da mente e do comportamento, ajuda a trabalhar e desenvolver a  autoestima, autonomia, autoconhecimento e autocontrole de seus pacientes, além de lidar com transtornos mentais.

Em outras palavras, assim como você procura um nutricionista e/ou educador físico para melhorar a sua saúde física, poderia procurar um psicólogo para ajudar você a alcançar saúde mental e a desenvolver todo o seu potencial enquanto pessoa.

Como é realizado o trabalho do psicólogo?

Por meio de sessões de terapia (também chamadas de consultas) o psicólogo auxilia seus pacientes de quaisquer contextos e faixas etárias a trabalhar seus problemas mentais para construir uma melhor qualidade de vida.

Logo nos primeiros momentos, por meio de perguntas e observação, o profissional define objetivos junto ao cliente e passa a compreender melhor os contextos social, profissional, emocional e afetivo em que ele está inserido. Após essa investigação, ele começa a delinear estratégias para atingir os objetivos definidos um a um.

Esses objetivos podem ser tão específicos como por fim a um relacionamento tóxico, vencer a depressão, superar a procrastinação, ou melhorar sua autoestima. Ou podem simplesmente se resumir em entender melhor sua mente e suas emoções.

O profissional pode utilizar diversas abordagens, como a Terapia Comportamental Cognitiva, a Gestalt-terapia, a Psicologia humanista, a Psicologia analítica de Jung, o Comportamentalismo / Behaviorismo. Há um texto no meu blog que fala sobre cada uma dessas abordagens e pode ajudar você a descobrir qual serve melhor para você.

Importante ressaltar que o objetivo da psicoterapia é ajudar ao paciente a desenvolver hábitos saudáveis, que ajudem a adquirir habilidades eficazes, que o capacitem a lidar com desafios no presente e futuro.

Mitos sobre a psicologia

Mesmo nos dias atuais, o desconhecimento sobre a atividade do psicólogo ainda teima em existir. Essa falta de informação muitas vezes leva ao preconceito e impede que muita gente cuide melhor da sua saúde mental, seja por medo de ser estigmatizado como louco ou mentalmente fraco, ou por ter crenças errôneas sobre o funcionamento da terapia ou da sua própria mente.

Por isso é importante a gente ressaltar alguns pontos fundamentais, e esclarecer algumas das visões erradas mais comuns que existem por aí sobre a psicologia.

Psicologia é para quem tem problemas mentais

Falso. A psicologia pode sim auxiliar pessoas com dificuldades mentais, mas também é extremamente útil para pessoas saudáveis. Um psicólogo pode ajudar você a entender melhor seus sentimentos, a fazer melhores escolhas, a visualizar de forma mais realista sua posição em um relacionamento, e também pode auxiliar você a se preparar mentalmente para momentos importantes da sua vida. Não se esqueça que hoje em dia até mesmo times de futebol utilizam a psicologia como uma ferramenta para melhorar a performance de seus jogadores.

“Não quero tomar remédios e ficar viciado”

O psicólogo não pode receitar remédios para seus clientes. As sessões com um psicólogo se resumem basicamente a conversas, onde o cliente apresenta seus desconfortos, visões e objetivos de vida, e o psicólogo o ajuda a “organizar” esses aspectos para que o cliente seja capaz de vê-los de uma maneira mais racional, e assim possa agir sobre eles. Outras atividades podem ser indicadas pelo psicólogo para apoiar o tratamento, mas nenhuma delas envolve medicação.

Conversar com amigos ou parentes tem o mesmo efeito de uma consulta com psicólogo

Não é bem assim. Por mais bem intencionado que um amigo ou parente esteja ao ouvir você desabafar, ele não está treinado para lidar com esses quadros e não tem o distanciamento emocional necessário para avaliar você de maneira realista, e nem para indicar possíveis saídas.

Não que a presença dessas pessoas na sua vida não possa colaborar com a melhoria da sua saúde mental, mas o trabalho junto a um psicólogo é racional e científico (como o trabalho de um médico), e o desabafo com alguém próximo é algo mais do campo emocional. São coisas de espaços bastante diferentes.

Falar sobre os problemas dá força a eles

É exatamente o contrário. Quando você se dispõe a desenterrar e enfrentar um problema que está ali guardado em algum canto da sua mente, a tendência é que ele seja enfraquecido conforme é exposto, analisado e revisitado dentro de um ambiente seguro. Quanto mais profundamente você entender sobre algum problema que tenha, mais domínio terá sobre ele. Já o que é desconhecido não pode nem ser avaliado e nem controlado.

Vantagens de procurar um psicólogo

Imagine poder dialogar e receber ajuda sem julgamento. Parece um sonho, mas é a realidade em uma sessão de psicoterapia. Como expliquei anteriormente, o psicólogo é um profissional habilitado, capaz de ouvir o paciente de forma neutra, estabelecer uma relação baseada no diálogo respeitoso, com o objetivo de estabelecer mecanismos para desenvolver o seu emocional ou soluções para  diminuir seu sofrimento mental.

A psicoterapia é um espaço de acolhimento e autoconhecimento. Um local convidativo onde o paciente pode se expressar livremente e abordar assuntos que normalmente não se sentiria confortável, como traumas, problemas familiares, sexuais, financeiros, inseguranças, etc.

Nesse ambiente seguro é possível identificar padrões comportamentais que não são saudáveis, para modificá-los e alcançar o bem-estar emocional ou construir  tolerância para aceitar o que não pode ser mudado. Atingir qualquer um desses objetivos é possível seguindo estratégias que são definidas em acordo entre o paciente e o profissional.

O psicólogo é fundamental na jornada de empoderamento pessoal. Durante as sessões, o paciente é incentivado a analisar suas crenças, emoções e medos, para buscar novas formas de lidar com suas dificuldades, e assim tomar decisões mais conscientes.

Se você precisa de auxílio para lidar com algum sofrimento emocional ou quer apenas conversar com alguém de forma livre e tranquila, eu posso te ajudar! Você pode entrar em contato pelo número (27) 99978-0990 ou pelo WhatsApp. As consultas são agendadas e podem ser realizadas de forma presencial ou online. E se ficou com alguma dúvida sobre o assunto, utilize o espaço dos comentários para enviá-las! Será um prazer ouvir sua opinião sobre o assunto.

Cuide bem de você! =D

Isso foi útil?
+1
0
+1
0
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais notícias

O impacto das redes sociais na autoestima 1

O impacto das redes sociais na autoestima

As redes sociais podem unir pessoas de diferentes lugares do mundo, criando comunidades e enriquecendo a experiência de vida de todos. Mas nem tudo que vem das redes sociais é necessariamente algo positivo para você.

Você sabe identificar uma crise de ansiedade? 2

Você sabe identificar uma crise de ansiedade?

A ansiedade é um dos transtornos que mais atingem os brasileiros atualmente. Voce sabe quando está tendo uma crise de ansiedade e o que fazer nessas situações?

7 dicas infalíveis para se dar bem com sua rotina 3

7 dicas infalíveis para se dar bem com sua rotina

Você tem dificuldade em manter uma rotina saudável? Vou te ajudar a encontrar o equilíbrio necessário para ter uma vida com bons hábitos.

Teste: Você é um Dependente Emocional? 4

Teste: Você é um Dependente Emocional?

Você sente que só pode ser feliz se estiver em um relacionamento? Que não conseguiria viver sem o seu parceiro? Já foi chamado (a) de carente? Se você respondeu sim para alguma dessas perguntas ou conhece alguém que se encaixa nesse perfil, responda o teste!

A meditação e seus benefícios 5

A meditação e seus benefícios

Sabia que além de acompanhamento psicológico, remédios e atividade física, a meditação também pode ajudar no tratamento da ansiedade.

Transtornos mentais causados pelo trabalho 6

Transtornos mentais causados pelo trabalho

Já ouviu a famosa frase: o trabalho dignifica o homem? Mas o que fazer quando ele se torna uma fonte de desenvolvimento e agravamento de doenças psicológicas?

Transtorno de Estresse Pós-Traumático – As dores do passado também têm solução 7

Transtorno de Estresse Pós-Traumático – As dores do passado também têm solução

Todo mundo conhece alguém que já passou por um evento traumático que gostaria de esquecer. Mas quando essas memórias negativas começam a atrapalhar sua vida no presente por muito tempo, é hora de investigar se você não desenvolveu estresse pós-traumático.

Os efeitos psicológicos da Cirurgia Ortognática 8

Os efeitos psicológicos da Cirurgia Ortognática

Você sabe a importância do acompanhamento psicológico na cirugia ortognática?

Vamos conversar?
1
Precisa de ajuda?
Olá, tudo bem? 👋
Às vezes precisamos de uma mãozinha com alguns problemas. Um psicologo pode te ajudar em vários desses problemas. Agende seu primeiro atendimento!