Blog

A importância da rotina na sua saúde mental

Uma rotina pode trazer diversos benefícios a saúde mental, gerando previsibilidade, para seu corpo e mente podendo diminuir o nível de estresse ao nosso dia a dia.

“Todo dia ela faz tudo sempre igual”. Essa frase da música Cotidiano, de Chico Buarque, para alguns pode representar tédio, mas, para o seu corpo e mente representam previsibilidade, rotina e saúde.

E qual a vantagem da previsibilidade? Quando o nosso corpo e mente já “sabem” com antecedência o que irá acontecer, diminuímos o nível de estresse a que somos submetidos quando temos que tomar decisões “em cima da hora”. A previsibilidade traz a sensação de estabilidade e segurança, necessária no nosso dia a dia para uma vida mais tranquila.

A rotina não precisa ser algo maçante, sem espaço para inovações ou fugas. Pelo contrário, além de ter obrigações, precisa incluir momentos de descanso, diversão. E você pode até não perceber, mas, já tem alguma rotina no seu dia a dia: escovar os dentes depois de comer, tomar banho antes de dormir, etc.

O que às vezes nos falta é disciplina com horários definidos para comer, dormir, ir trabalhar, estudar, praticar um esporte ou atividade física.

A disciplina necessária para seguir um roteiro diário ajuda na prevenção e no tratamento de transtornos mentais. Como já citamos, a previsibilidade afasta a ansiedade, não só por diminuir a preocupação, mas por que também traz o paciente para a ação do momento, o presente.

Muitas vezes, com a depressão vêm as sensação de cansaço e desânimo, o que leva à apatia e ao abandono de atividades importante. A rotina ajuda a combater esses problemas pois diminui a necessidade de tomar decisões. Faz com que a pessoa aja e continue a agir, não por vontade ou ânimo, mas por hábito.

Claro que há casos graves de depressão em que a pessoa tem grandes dificuldades até para sair da cama. Para esses casos, o acompanhamento de um psicoterapeuta é ainda mais importante, para que juntos, paciente e psicólogo, consigam estabelecer hábitos saudáveis, que levem a uma rotina.

Como criar um hábito positivo?

Em 1960, o cirurgião plástico Maxwell Maltz definiu que para criar um novo hábito eram necessários 21 dias de repetição. Tempos depois, a  University College de Londres descobriu que o cérebro precisa mais do que 21 dias para se acostumar com esta nova ação a ponto de torná-la um novo hábito e convencionou-se que são necessários em média 66 dias repetindo um mesmo comportamento para que ele seja incorporado em nossa rotina.

Precisamos de prática constante e frequente, principalmente no início, para que os nossa mente e corpo absorvam esse novo aprendizado. Com o passar do tempo, cada vez menos esforço será necessário para realizar esse novo comportamento.

Além dos 66 dias, outros passos podem nos ajudar no desenvolvimento de hábitos:

  • Estabelecer um objetivo (perder uma quantidade de quilos ou tocar um instrumento)
  • Estabeleça metas de pequeno, médio e longo prazo
  • Em um calendário anotar seu progresso de forma visível
  • Associar o novo hábito a um antigo (depois de escovar os dentes, hábito antigo, irei passar o fio dental, hábito novo)
  • Insistir e insistir
  • Agora que já temos um guia de como criar um novo hábito, vamos ver quais comportamentos podem trazer benefícios para nossa mente e corpo e nos ajudar no tratamento de doenças psicológicas.

Hábitos saudáveis, mente saudável

Como já mencionamos neste artigo, casos mais graves de depressão precisam de mais do que uma rotina para que se estabeleça a cura. É assim também para pessoas com Transtorno de Ansiedade Generalizada. Mas até nos casos mais graves, hábitos saudáveis são de grande ajuda no tratamento de doenças mentais, e até ajudam na prevenção destas.

Vamos ver alguns hábitos positivos para você inserir agora mesmo na sua rotina e já começar a melhorar sua saúde física e mental:

Pratique exercícios físicos

A prática de exercícios só faz bem. E não é só para o corpo (apesar de que ver o resultado no corpo melhora a autoestima e a confiança que você tem em si mesmo), mas também é muito benéfico para a mente, já que com a prática frequente nosso corpo libera hormônios como a endorfina e serotonina, conhecidos como os hormônios do bem-estar, e esses ajudam a combater a depressão e ansiedade, além de ajudar no humor, disposição, sono e apetite, por exemplo.

Ou seja, uma atividade simples como uma caminhada, desde que feita com frequência, já traz muitos benefícios.

Alimente-se melhor

“Você é o que você come”. Já ouviu essa frase, certo? Nesse caso, pode acreditar na sabedoria popular. Alimentos ricos em açúcares e carboidratos, além de nos deixarem com uma sensação de inchaço e peso, também diminuem nossa disposição e podem causar inflamações, que facilitam a permanência da depressão no seu organismo.

Já uma dieta balanceada, sem industrializados, dá a energia e disposição necessários para o seu dia a dia e para praticar atividades físicas.

Escreva 3 missões e ajude sua mente a descansar

Antes de dormir ou ao acordar, escreva 3 missões, que podem ser simples, para executar durante o dia que virá. Isso vai ajudar você a ter a sensação de dever cumprido e a sentir que o dia valeu a pena. Isso é particularmente positivo para quem sofre com depressão. Escrever antes de dormir pode ajudar a tirar “os pensamentos soltos” que podem dificultar sua noite de sono e levar à insônia. Então é só escolher o melhor momento e executar!

Tenha uma higiene do sono

Assim como uma alimentação adequada, o sono é fundamental para ajudar a você a ter um dia satisfatório. Quem sofre com insônia já acorda cansado e com menos energia para executar uma rotina saudável. Por isso, respeite o seu local de sono, tente não levar problemas ou atividades mentalmente estimulantes para a cama e busque de noite fazer só o que ajudar seu corpo e mente a desacelerar.

Tente aproveitar o lado bom da vida

A depressão tende a manter quem está doente com a sensação de que está anestesiado. Já pessoas com transtorno de ansiedade generalizado, sofrem com o passado ou o futuro e muitas vezes não conseguem perceber o presente. Buscar pequenas alegrias na rotina ajudará nos dois casos, já que apreciar cada experiência trará prazer para quem está com depressão e trará o ansioso para o aqui e agora. Escolha fazer coisas prazerosas durante o seu dia e transforme uma rotina maçante em um dia divertido.

Leia todo dia 30 páginas

Ou por 30 minutos. Nesse caso, o número é apenas para garantir que você se esforce para criar mais um hábito. A leitura pode ser uma das suas 3 missões diárias, e vai ajudar você a encontrar prazer em uma atividade da sua rotina ou manter você no presente. Seja como for, além de estar se entretendo, com a leitura você também estará, no mínimo, aumentando o seu vocabulário ou quem sabe, desenvolvendo uma nova área de conhecimento. Leia!

Resgate ou procure manter velhas amizades

Quem sofre com transtornos mentais acaba se isolando. Seja por ter falta de energia de falar com alguém, por não ter mais prazer nessas interações ou por achar que não é importante para outras pessoas. O fato é que o isolamento é um sinal de depressão e de um transtorno generalizado da ansiedade. Sendo assim, é muito útil ter um hábito de conversar com pessoas. Pode ser mandando aquele “bom dia” no grupo de WhatsApp da família ou dos amigos. O importante é começar e repetir.

Escreva sobre o seu dia

Seja ele bom ou ruim, o importante é organizar os pensamentos. Escrever vai te ajudar a perceber onde você está em relação a seus objetivos, vai ter dar perspectiva, manter você no presente e diminuirá a sensação de ansiedade e preocupação.

Esses hábitos positivos são importantes para todos, não apenas para quem já está sofrendo com transtornos mentais. A atividade física, por exemplo, pode ser muito útil na prevenção dessas e outras doenças, inclusive na insônia. O hábito de leitura ou de escrever podem ser incorporados na sua higiene do sono, já que são atividades que ajudam a desacelerar e acalmar a mente.

Você está se sentindo desanimado, sem energia, excessivamente preocupado ou estressado e acha que não consegue montar uma rotina? Vá com calma, busque um especialista e durante o seu tratamento, vocês dois podem determinar o momento mais adequado de começar um novo hábito.

Também pode ser muito útil ter auxílio de um profissional se você quer ter uma rotina que se adeque a seu dia e seus objetivos. Um acompanhamento especializado não é apenas para quem está doente, mas também é muito importante na prevenção de doenças.

As consultas são agendadas e podem ser realizadas de forma presencial ou online. Entre em contato pelo número (27) 99978-0990 ou pelo WhatsApp.

E se ficou com alguma dúvida sobre o assunto, utilize os espaços dos comentários para enviá-las! Será um prazer ouvir sua opinião sobre o assunto.

Cuide bem de você! =D

Isso foi útil?
+1
0
+1
0
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais notícias

A meditação e seus benefícios 1

A meditação e seus benefícios

Sabia que além de acompanhamento psicológico, remédios e atividade física, a meditação também pode ajudar no tratamento da ansiedade.

Transtornos mentais causados pelo trabalho 2

Transtornos mentais causados pelo trabalho

Já ouviu a famosa frase: o trabalho dignifica o homem? Mas o que fazer quando ele se torna uma fonte de desenvolvimento e agravamento de doenças psicológicas?

Transtorno de Estresse Pós-Traumático – As dores do passado também têm solução 3

Transtorno de Estresse Pós-Traumático – As dores do passado também têm solução

Todo mundo conhece alguém que já passou por um evento traumático que gostaria de esquecer. Mas quando essas memórias negativas começam a atrapalhar sua vida no presente por muito tempo, é hora de investigar se você não desenvolveu estresse pós-traumático.

Os efeitos psicológicos da Cirurgia Ortognática 4

Os efeitos psicológicos da Cirurgia Ortognática

Você sabe a importância do acompanhamento psicológico na cirugia ortognática?

Teste: será que você tem hipocondria? 5

Teste: será que você tem hipocondria?

Quando você ouve falar de uma doença já fica preocupado, acreditando que pode estar sofrendo dela? Quando sente uma dor, faz várias buscas na internet, já imaginando ter a pior doença sugerida? Será que é hora de buscar ajuda.

Você conhece as principais abordagens da psicologia? 6

Você conhece as principais abordagens da psicologia?

Existe uma grande quantidade de abordagens disponíveis dentro da psicologia para cuidar da nossa saúde mental, descubra qual pode ser mais adequada pra você!

Apoio psicológico no pré-natal para gestantes e familiares 7

Apoio psicológico no pré-natal para gestantes e familiares

A gravidez é um período de muita felicidade, mas também vulnerabilidade física e emocional e ter um apoio psicológico é fundamental para aliviar o turbilhão de emoções vivenciado pela família.

As causas psicológicas da insônia 8

As causas psicológicas da insônia

Dormir tem sido um desafio na sua vida? Saiba as causas psicológicas da insônia e como um psicólogo pode ajudar você a se libertar desse problema.

Vamos conversar?
1
Precisa de ajuda?
Olá, tudo bem? 👋
Às vezes precisamos de uma mãozinha com alguns problemas. Um psicologo pode te ajudar em vários desses problemas. Agende seu primeiro atendimento!