Blog

Você sabe como estimular a autonomia das crianças?

Quando chega um novo bebezinho a família eles dependem dos pais para quase tudo, porém com o passar do tempo a autonomia infantil precisa ser desenvolvida.
Crianças brincando

A autonomia é de fundamental importância na construção da personalidade e na resolução de conflitos de forma crítica e assertiva. Sendo assim, quando os pais dão suporte para que a criança possa realizar atividades sozinha, há uma melhora em sua capacidade de resolver problemas, memória e pensamento impactando positivamente na função executiva que é um dos pilares do desenvolvimento cognitivo. Essa função engloba a memória de trabalho, raciocínio, capacidade de resolução de problemas e flexibilidade de tarefas, além da capacidade de planejamento e execução de atividades.

Tendo em vista todos os benefícios mencionados, não faça pelo o seu filho o que ele já consegue fazer sozinho e não confunda cuidado excessivo com o afeto.

O desenvolvimento de autonomia é algo gradual e vai se desenvolvendo à medida que a criança realiza novas conquistas e adquire condições que contribuem pouco a pouco para que ele se torne independente. É importante ressaltar que “nós não damos” autonomia a uma criança e sim ensinamos e deixamos que ela tente resolver situações nas quais houve uma orientação prévia, para que possamos reforçar os conceitos educativos e valores ensinados anteriormente. Incentivar essa independência do seu filho é muito diferente de deixá-lo tomar decisões e fazer escolhas por conta própria.

Os pais devem estar ao lado da criança orientando e incentivando a realização de tarefas e propondo novos desafios, sempre permitindo que ela supere seus limites e explore o ambiente (dentro do que for seguro), sempre deixando claro que você estará por perto para dar o suporte necessário, porem deixando ela fazer sozinha, mesmo que você identifique que ela esta fazendo uma escolha errada e  buscando resolver os conflitos através do diálogo. Lembre-se sempre de perguntar o que ele acha correto e tem vontade de fazer, observando como ele busca solucionar os problemas. De atenção para as respostas e guie as escolhas, mais sem decidir por ele.

Todo mundo quer ver o filho feliz e por isso é doloroso vê-lo lidar com o erro e a decepção sem interferir.

Broncas desnecessárias podem contribuir para que a criança se torne inseguro e dependente da opinião dos outros, por isso deve-se ter cautela ao faze-las. A bronca só faz sentido para a criança quando ela entende o motivo, por isso incentivá-la a pensar sobre as consequências de suas ações é fundamental na construção da autonomia.

Como você pode incentivar a autonomia do seu filho?

  • Envolva a criança em pequenas escolhas do dia a dia, como decidir a sobremesa de domingo, sua roupa, etc. sempre limitando o número de opções;
  • Estimule as atividades adequadas à sua idade para ajudar dentro de casa;
  • Deixe-o ciente sobre o lado bom e ruim das escolha e dê tempo para que possa decidir;
  • Se a criança se arrepender da escolha que fez, ensine-a a lidar com a frustração, explicando que ela terá outras oportunidades para ela escolher outra coisa no futuro. Não a critique ou diga “eu te disse!”;
  • Não confunda o cuidado excessivo com o afeto e ajuda;
  • Incentive que ela resolva seus próprios problemas e faça suas escolhas, sempre deixando claro que você estará por perto para dar o suporte necessário.
  • Permita que a criança faça suas escolhas;
  • Demonstre respeito pelo esforço da criança, mesmo que ela precise de uma ajudinha na hora de realizar a ação;
  • Tentar evitar a pressa na hora de responder certos questionamentos, explorando as suas próprias respostas da criança, como: “Vamos pensar sobre isso, o que você acha…”;
  • Não faça pelo o seu filho o que ele já consegue fazer sozinho;
  • Incentive a criança a refletir sobre as consequências das suas ações.
Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais notícias

O impacto das más notícias na saúde mental 1

O impacto das más notícias na saúde mental

A busca constante por notícias negativas nos meios de comunicação é um vício mais comum do que se imagina.

Traumas da infância podem influenciar na vida adulta 2

Traumas da infância podem influenciar na vida adulta

Entenda como traumas vividos na infância podem afetar uma pessoa na fase adulta

Como lidar com a frustração? 3

Como lidar com a frustração?

Experimentar frustrações faz parte da vida, mas você sabe lidar com elas?

Como saber se estou tendo uma Crise Existencial? 4

Como saber se estou tendo uma Crise Existencial?

Você se sente perdido, paralisado e que nada mais tem sentido? Isso pode ser um sinal da crise existencial.

Como parar o ato de procrastinar? 5

Como parar o ato de procrastinar?

Não é uma tarefa fácil abandonar o ciclo vicioso, mas com estratégias inteligentes é possível

Nomofobia: o medo excessivo de ficar sem celular 6

Nomofobia: o medo excessivo de ficar sem celular

A dependência no uso do excessivo celular pode desencadear diversos transtornos psicológicos

Perfeccionismo: entenda como tentar ser perfeito o tempo todo afeta sua mente 7

Perfeccionismo: entenda como tentar ser perfeito o tempo todo afeta sua mente

Este traço de personalidade pode ter um lado bom e um lado ruim, de qual você está?

Como lidar com a ansiedade no trabalho 8

Como lidar com a ansiedade no trabalho

Crises de ansiedade no trabalho prejudicam sua vida e carreira profissional, entenda como lidar com essa problemática

Agendar atendimento
1
Precisa de ajuda?
Olá, tudo bem? 👋

Às vezes precisamos de ajuda com alguns dos nossos problemas! Eu posso te ajudar!