Blog

Você sabe como estimular a autonomia das crianças?

Quando chega um novo bebezinho a família eles dependem dos pais para quase tudo, porém com o passar do tempo a autonomia infantil precisa ser desenvolvida.
Crianças brincando

A autonomia é de fundamental importância na construção da personalidade e na resolução de conflitos de forma crítica e assertiva. Sendo assim, quando os pais dão suporte para que a criança possa realizar atividades sozinha, há uma melhora em sua capacidade de resolver problemas, memória e pensamento impactando positivamente na função executiva que é um dos pilares do desenvolvimento cognitivo. Essa função engloba a memória de trabalho, raciocínio, capacidade de resolução de problemas e flexibilidade de tarefas, além da capacidade de planejamento e execução de atividades.

Tendo em vista todos os benefícios mencionados, não faça pelo o seu filho o que ele já consegue fazer sozinho e não confunda cuidado excessivo com o afeto.

O desenvolvimento de autonomia é algo gradual e vai se desenvolvendo à medida que a criança realiza novas conquistas e adquire condições que contribuem pouco a pouco para que ele se torne independente. É importante ressaltar que “nós não damos” autonomia a uma criança e sim ensinamos e deixamos que ela tente resolver situações nas quais houve uma orientação prévia, para que possamos reforçar os conceitos educativos e valores ensinados anteriormente. Incentivar essa independência do seu filho é muito diferente de deixá-lo tomar decisões e fazer escolhas por conta própria.

Os pais devem estar ao lado da criança orientando e incentivando a realização de tarefas e propondo novos desafios, sempre permitindo que ela supere seus limites e explore o ambiente (dentro do que for seguro), sempre deixando claro que você estará por perto para dar o suporte necessário, porem deixando ela fazer sozinha, mesmo que você identifique que ela esta fazendo uma escolha errada e  buscando resolver os conflitos através do diálogo. Lembre-se sempre de perguntar o que ele acha correto e tem vontade de fazer, observando como ele busca solucionar os problemas. De atenção para as respostas e guie as escolhas, mais sem decidir por ele.

Todo mundo quer ver o filho feliz e por isso é doloroso vê-lo lidar com o erro e a decepção sem interferir.

Broncas desnecessárias podem contribuir para que a criança se torne inseguro e dependente da opinião dos outros, por isso deve-se ter cautela ao faze-las. A bronca só faz sentido para a criança quando ela entende o motivo, por isso incentivá-la a pensar sobre as consequências de suas ações é fundamental na construção da autonomia.

Como você pode incentivar a autonomia do seu filho?

  • Envolva a criança em pequenas escolhas do dia a dia, como decidir a sobremesa de domingo, sua roupa, etc. sempre limitando o número de opções;
  • Estimule as atividades adequadas à sua idade para ajudar dentro de casa;
  • Deixe-o ciente sobre o lado bom e ruim das escolha e dê tempo para que possa decidir;
  • Se a criança se arrepender da escolha que fez, ensine-a a lidar com a frustração, explicando que ela terá outras oportunidades para ela escolher outra coisa no futuro. Não a critique ou diga “eu te disse!”;
  • Não confunda o cuidado excessivo com o afeto e ajuda;
  • Incentive que ela resolva seus próprios problemas e faça suas escolhas, sempre deixando claro que você estará por perto para dar o suporte necessário.
  • Permita que a criança faça suas escolhas;
  • Demonstre respeito pelo esforço da criança, mesmo que ela precise de uma ajudinha na hora de realizar a ação;
  • Tentar evitar a pressa na hora de responder certos questionamentos, explorando as suas próprias respostas da criança, como: “Vamos pensar sobre isso, o que você acha…”;
  • Não faça pelo o seu filho o que ele já consegue fazer sozinho;
  • Incentive a criança a refletir sobre as consequências das suas ações.
Isso foi útil?
+1
0
+1
0
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais notícias

A meditação e seus benefícios 1

A meditação e seus benefícios

Sabia que além de acompanhamento psicológico, remédios e atividade física, a meditação também pode ajudar no tratamento da ansiedade.

Transtornos mentais causados pelo trabalho 2

Transtornos mentais causados pelo trabalho

Já ouviu a famosa frase: o trabalho dignifica o homem? Mas o que fazer quando ele se torna uma fonte de desenvolvimento e agravamento de doenças psicológicas?

Transtorno de Estresse Pós-Traumático – As dores do passado também têm solução 3

Transtorno de Estresse Pós-Traumático – As dores do passado também têm solução

Todo mundo conhece alguém que já passou por um evento traumático que gostaria de esquecer. Mas quando essas memórias negativas começam a atrapalhar sua vida no presente por muito tempo, é hora de investigar se você não desenvolveu estresse pós-traumático.

Os efeitos psicológicos da Cirurgia Ortognática 4

Os efeitos psicológicos da Cirurgia Ortognática

Você sabe a importância do acompanhamento psicológico na cirugia ortognática?

Teste: será que você tem hipocondria? 5

Teste: será que você tem hipocondria?

Quando você ouve falar de uma doença já fica preocupado, acreditando que pode estar sofrendo dela? Quando sente uma dor, faz várias buscas na internet, já imaginando ter a pior doença sugerida? Será que é hora de buscar ajuda.

Você conhece as principais abordagens da psicologia? 6

Você conhece as principais abordagens da psicologia?

Existe uma grande quantidade de abordagens disponíveis dentro da psicologia para cuidar da nossa saúde mental, descubra qual pode ser mais adequada pra você!

Apoio psicológico no pré-natal para gestantes e familiares 7

Apoio psicológico no pré-natal para gestantes e familiares

A gravidez é um período de muita felicidade, mas também vulnerabilidade física e emocional e ter um apoio psicológico é fundamental para aliviar o turbilhão de emoções vivenciado pela família.

As causas psicológicas da insônia 8

As causas psicológicas da insônia

Dormir tem sido um desafio na sua vida? Saiba as causas psicológicas da insônia e como um psicólogo pode ajudar você a se libertar desse problema.

Vamos conversar?
1
Precisa de ajuda?
Olá, tudo bem? 👋
Às vezes precisamos de uma mãozinha com alguns problemas. Um psicologo pode te ajudar em vários desses problemas. Agende seu primeiro atendimento!