Blog

7 dicas práticas para controlar o estresse do dia a dia?

Aprenda como lidar com o estresse diário de maneira prática e inteligente

Não é segredo para ninguém que o mundo em que vivemos hoje é completamente acelerado e estressante. Não existe uma pessoa sequer no mundo que não tenha diversas obrigações e listas de tarefas para cumprir em 24 horas. E pelo fato de um dia só ter 24 horas, muitos não conseguem realizar tudo o que desejam ou precisam neste período, isso traz frustração, decepção e muitas vezes estresses. O ser humano tende a se achar incompetente quando não consegue realizar tudo o que planejou para si em um determinado espaço de tempo específico.

Precisamos trabalhar, participar de reuniões, levar os filhos à escola, fazer compras para casa, cuidar de animais de estimação, cuidar da casa, entre muitas outras coisas que nos propomos a fazer. Isso tudo se deve aos avanços do mundo, a velocidade das transformações tecnológicas e sociais estão em constante mudança e acompanhar tudo isso não é uma tarefa tão fácil.

E quando não conseguimos seguir este fluxo intenso, nos culpamos, ficamos com receios, medos e inseguranças, consequentemente a saúde mental é afetada e aí vêm os transtornos psicológicos como, ansiedade, síndrome de burnout, depressão, TDAH, cansaço mental, entre outros. É importante frisar que muitas pessoas também desenvolvem algumas doenças físicas, como gastrite, crises de enxaqueca, falta de apetite, alergias, quedas de cabelo, tensão muscular, etc.

E então eu te pergunto: Neste mundo tão caótico em que vivemos, será que é possível controlar o estresse do dia a dia?

Vamos descobrir!

Fatores externos e o estresse

Geralmente o estresse nos afeta quando não conseguimos administrar uma situação que está sob nosso controle ou responsabilidade, mas ele também nos abala quando situações externas ocorrem, acontecimentos que não dependem só de nós mesmos. Assaltos; morte de uma pessoa próxima; mudança de cidade ou emprego; divórcio; agressão física ou verbal direcionada a você, ou a alguém próximo; o sofrimento de um familiar.

Por mais que não seja algo com você, é um problema que lhe atinge indiretamente, você também sofre por aquele fato, talvez não na mesma intensidade, mas se aflige.

E as situações estressantes não irão sumir porque você quer ou deseja, o mundo sempre vai estar em constante desenvolvimento. A tendência é a tecnologia mundial avançar cada vez mais, as pessoas se tornarem cada vez mais ocupadas e por consequência, cada vez mais estressadas.

O que precisamos fazer é encontrar maneiras de nos readaptar conforme a evolução do mundo e saber como controlar ou administrar todo o estresse que esse avanço vem nos causando. Só assim será possível viver em paz e com a mente saudável.

Estresse no trabalho

Se você perguntar para qualquer pessoa, muitas delas irão dizer que uma das maiores causas do estresse diário é o local de trabalho. Isso acontece porque o ambiente corporativo muitas vezes exige de você habilidades e posturas que nem sempre conseguirá suportar, muitos empregos têm acúmulos de funções, ou seja, você precisa realizar diversas tarefas diferentes ao mesmo tempo. Quando chega ao final do expediente, além do cansaço físico, sua mente está exausta.

Sem falar em outros fatores que muitas vezes são instaurados. Competitividade entre os colaboradores é um deles, muitas empresas trabalham com metas e se elas não forem cumpridas, no final do mês o colaborador recebe uma espécie de punição: seja uma menor comissão ou uma exposição ridicularizada por parte do seu superior. Tudo isso causa danos ao prestador de serviço, ele pode se sentir humilhado, desvalorizado e desmotivado.

Outra causa muito comum de estresse excessivo no trabalho é a carga horária exacerbada, muitas empresas para alcançar altos níveis de produção fazem com que seus funcionários trabalhem em horas extras. Não se lembram que além de prestarem serviço para a empresa, aquele indivíduo tem uma vida fora dali, tem família, filhos e outros afazeres e responsabilidades.

Outros fatores frequentes que também influenciam no estresse no trabalho: administração precária, inserção de novos modelos de tecnologias e de trabalho, assédios sexuais e morais, salários não compatíveis com a realidade, entre outros.

Todas as problemáticas citadas acima geram consequências negativas não só para os trabalhadores, mas também para a própria organização. O resultado entregue é de péssima qualidade devido à toda a pressão sofrida e ao o fato de estarem sempre sobrecarregados e terem pouco tempo ou energia para se dedicarem ao aprimoramento de suas habilidades, fazendo assim com que haja perdas de negócios e oportunidades.

Portanto, é fundamental que as empresas reconheçam a importância de equilibrar as cargas de trabalho dos funcionários e adotem práticas que promovam um ambiente de trabalho saudável e produtivo. Isso não apenas beneficia os funcionários, mas também contribui para o sucesso a longo prazo da organização. Temos um texto aqui no blog que fala mais sobre a importância da saúde mental do local de trabalho, leia aqui.

Cuidado com os quadros de estresse

Já sabemos que se estressar é algo inevitável, por todas as questões já citadas mais acima no texto. Porém, é preciso estar atento aos quadros de estresse, eles não devem ser subestimados.

Todos nós passamos por vários momentos de estresse ao longo da vida, mas quando se torna algo recorrente e incontrolável, pode levar a sérias consequências.

Chamamos esse fator de quadro de estresse ou síndrome de estresse. São condições que afetam a saúde física e mental de um indivíduo como resultado de uma exposição prolongada a situações estressantes ou eventos traumáticos.

Os quadros de estresse podem se manifestar de várias formas e afetar diferentes aspectos da vida de alguém. Alguns dos sintomas mais comuns incluem ansiedade constante, irritabilidade, insônia, fadiga, dores de cabeça, problemas gastrointestinais, pressão alta e até mesmo depressão. Além disso, o estresse crônico também pode enfraquecer o sistema imunológico, tornando a pessoa mais suscetível a doenças.

Para reconhecer se você está passando por um quadro de estresse, observe se tais sintomas estão lhe atingindo com frequência: tensão, dificuldade de concentração, fadiga, insônia, insegurança, angústia, dificuldades ao se relacionar com pessoas e preocupação em excesso.

O estresse em grande intensidade também pode ocasionar alterações na atividade do cérebro, levando a um desequilíbrio nos marcadores biológicos, como, por exemplo: o corpo entra em um estado aumentado de vigília e passa a viver sempre em alerta, desregulando o padrão hormonal necessário para a homeostase, isso causa alterações na pressão arterial, na memória e em outras partes do corpo humano.

Além dos fatores que já citei no texto, existem diversos outros que podem desencadear ou contribuir para o desenvolvimento de quadros de estresse. Problemas financeiros, conflitos familiares, perdas pessoais, traumas passados e sobrecarga de responsabilidades. O estresse crônico muitas vezes se acumula ao longo do tempo, tornando-se cada vez mais difícil de lidar.

Como lidar com o estresse do dia a dia?

Se vivemos estressados, como é possível controlar isso, ou então aprender a conviver com o estresse de uma forma menos desgastante?

Para lidar com o problema, é fundamental buscar ajuda e adotar estratégias de gerenciamento de estresse eficazes. Mudanças no estilo de vida, como estabelecer limites saudáveis, aprender a dizer “não” quando necessário e buscar apoio social, pode ser fundamental para lidar com o estresse de forma mais eficaz.

Você precisa aprender a determinar quais situações irão lhe causar estresse. É uma tarefa fácil? Não! Para isso você precisa se conhecer bem e aprender a controlar suas reações e emoções, como irá se comportar diante de tal acontecimento.

  • Vamos a um exemplo: você marcou uma reunião de amigas num shopping, só você chegou no horário marcado e todas elas chegaram atrasadas. Automaticamente isso causa um estresse, não é verdade?
  • Mas será que vale a pena ficar extremamente estressada e estragar o passeio por causa disso?
  • Tentar entender o porquê do atraso e seguir com o passeio não seria mais saudável?

É preciso ser inteligente e saber escolher as suas batalhas emocionais, existem situações que não valem a pena todo o conflito.

Ser compassível não significa ser fraco ou deixar os outros fazerem o que querem de você, significa ter sabedoria o suficiente para lidar com os fenômenos incontroláveis da vida, assim você consegue controlar o estresse com mais eficiência, tornando sua qualidade de vida muito melhor.

Além do que, estresse envelhece e dá rugas!

Confira agora dicas práticas que irão lhe ajudar a desestressar na rotina

1. Cuide do seu sono

A privação de sono é uma causa bastante significativa para o estresse. Busque sempre uma fonte de relaxamento antes de dormir, como um banho quente ou ler um livro. Evite cafeína e álcool à noite e também fique longe de telas momentos antes de ir para a cama. Tudo isso irá ajudar a relaxar mais o corpo e ter uma noite de sono saudável.

2. Tenha um hobby

Ter algo na vida que lhe traz muito prazer e alegria com certeza irá te ajudar com o estresse do dia a dia. O que você gosta de fazer: pintar, ver séries, cantar, cozinhar, voluntariado? Procure dentro de si uma atividade prazerosa e a realize sem pressão e sem prazos.

3. Atividades físicas

Sempre falo muito no blog sobre a importância de realizar atividades físicas, elas são preciosas para te ajudar a desintoxicar a mente. Pessoas muito estressadas usam a atividade física para liberar toda essa carga negativa do corpo, os exercícios ajudam a restaurar a mente e o corpo, deixando-os em um estado mais calmo e relaxado.

4. Assuma o controle

Quando conseguimos assumir o controle das situações as quais nos encontramos, a resolução fica mais clara. Você se sente mais seguro sobre o que deve ser feito para sair daquele problema. Por mais difícil que pareça, sempre que se encontrar em situações assim, respire fundo e organize um plano de ação, com tudo planejado, você vai conseguir achar uma saída.

5. Descanse quando se sentir cansado

Muitas pessoas passam do seu limite, principalmente quando se trata de prazos. Quantas vezes você não passou a noite em claro porque precisava entregar determinado trabalho, mesmo estando com sono e cansado? Não faça isso, esse tipo de atitude só piora o seu quadro de estresse. Se organize para conseguir fazer suas tarefas tranquilamente e com mais organização, se em algum momento você não conseguir se planejar e precisar fazer às pressas, respeite os seus limites, no meio da tarefa sentiu sono, fome, vontade de ir ao banheiro? Pare o que está fazendo e atenda às suas necessidades, mesmo que de uma maneira mais rápida, só então depois volte ao seu compromisso.
Pode ter certeza que o resultado final será até melhor do que seria antes, caso você insistisse em fazer na correria.

6. Aproveite bem o fim de semana

Se for possível, aproveite bem os dois dias do fim de semana, não fique pensando em trabalho tempo inteiro, você já tem de segunda a sexta-feira para isso. Saia com sua família, seus amigos ou até mesmo sozinho (a). Aproveite cada momento fazendo o que você mais gosta. E se não sentir vontade de sair, está tudo bem também, aproveite para dormir e descansar.

7. Tenha um bichinho de estimação

Os bichinhos de estimação têm o poder de aliviar o nosso estresse. Eles alegram o ambiente e são ótimos companheiros nos momentos de adversidades. Conversar e interagir com eles também traz sensação de calma e alívio, você esquece das obrigações por alguns minutos e se diverte.

Existem muitos outros hábitos de higienização mental que você pode colocar em prática para reduzir o estresse, clique aqui e confira!

Busque ajuda

Viver estressado não é normal e traz doenças para a sua vida. Muitas pessoas podem conviver com doenças físicas ou mentais que não melhoram porque na realidade não sabem qual é a causa dessa doença, que pode ser o estresse.

Por isso, além de buscar ajuda para a doença que você tem, procure entender porque ela existe, qual é a sua origem real. Por meio de sessões de terapia com um psicólogo você será capaz de desvendar muitas incompreensões e irá tratar do estresse de uma forma adequada.

Na terapia você também conseguirá identificar os gatilhos que lhe causam estresse e irá aprender a desenvolver habilidades para lidar melhor com ele, de uma forma que não afete o seu emocional com tanta intensidade.

O estresse, se não tratado adequadamente, pode evoluir para problemas de saúde mais graves, como doenças cardiovasculares e distúrbios mentais. Portanto, reconhecer os sinais de estresse crônico e buscar ajuda profissional quando necessário é essencial para preservar o bem-estar físico e emocional.

Marque uma sessão de terapia comigo! Sou psicóloga e posso lhe ajudar a descobrir maneiras inteligentes e saudáveis para controlar o estresse.

Você pode agendar sua sessão ligando ou entrando em contato pelo WhatsApp, no número: (27) 9.9978-0990. Nossas consultas podem ser online ou presencialmente, como você preferir.

Se identificou com o texto? Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Use o espaço dos comentários para enviá-la e me siga no instagram, lá também tratamos de assuntos psicológicos de forma bem didática e criativa.

E se você acha que esse conteúdo pode ajudar outras pessoas, compartilhe nas suas redes sociais ou grupos de WhatsApp! 😉

Cuide bem de você! =)

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais notícias

Como lidar com a frustração? 1

Como lidar com a frustração?

Experimentar frustrações faz parte da vida, mas você sabe lidar com elas?

Como saber se estou tendo uma Crise Existencial? 2

Como saber se estou tendo uma Crise Existencial?

Você se sente perdido, paralisado e que nada mais tem sentido? Isso pode ser um sinal da crise existencial.

Como parar o ato de procrastinar? 3

Como parar o ato de procrastinar?

Não é uma tarefa fácil abandonar o ciclo vicioso, mas com estratégias inteligentes é possível

Nomofobia: o medo excessivo de ficar sem celular 4

Nomofobia: o medo excessivo de ficar sem celular

A dependência no uso do excessivo celular pode desencadear diversos transtornos psicológicos

Perfeccionismo: entenda como tentar ser perfeito o tempo todo afeta sua mente 5

Perfeccionismo: entenda como tentar ser perfeito o tempo todo afeta sua mente

Este traço de personalidade pode ter um lado bom e um lado ruim, de qual você está?

Como lidar com a ansiedade no trabalho 6

Como lidar com a ansiedade no trabalho

Crises de ansiedade no trabalho prejudicam sua vida e carreira profissional, entenda como lidar com essa problemática

Você sofre com o Complexo de Inferioridade? 7

Você sofre com o Complexo de Inferioridade?

Aprenda a enxergar seus pontos negativos, reconhecer suas qualidades e aptidões

Como lidar quando sua família é tóxica? 8

Como lidar quando sua família é tóxica?

Não se sinta culpado por querer se afastar do que te faz mal

Agendar atendimento
1
Precisa de ajuda?
Olá, tudo bem? 👋

Às vezes precisamos de ajuda com alguns dos nossos problemas! Eu posso te ajudar!